Amostras da baleia encontrada morta na praia do Leblon serão analisadas por técnicos da UERJ; veja fotos

A equipe da Companhia Municipal de Limpeza Urbana do Rio precisou de uma escavadeira, um trator esteira, um caminhão basculante e uma pá carregadeira para remover o animal

  • Por Jovem Pan
  • 19/09/2021 17h29 - Atualizado em 19/09/2021 17h41
Companhia Municipal de Limpeza Urbana do Rio de Janeiro (Comlurb)Após o recolhimento das amostras do animal, o corpo foi levado para o Centro de Tratamento de Resíduos (CTR-Rio), em Seropédica

Equipe de dez garis da Comlurb, a Companhia Municipal de Limpeza Urbana do Rio de Janeiro, trabalharam na remoção de uma baleia jubarte encontrada morta na praia do Leblon, ao lado do Canal do Jardim de Alah, na manhã deste sábado, 18. O grupo precisou de uma escavadeira, um trator esteira, um caminhão basculante e uma pá carregadeira para retirar o animal, segundo informações do órgão vinculado à Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos. A Companhia acionou, ainda, os técnicos do Laboratório de Mamíferos Aquáticos e Bioindicadores, MAQUA, da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), que foram até o local e recolheram materiais do mamífero para análise. Em seguida, o corpo foi levado para o Centro de Tratamento de Resíduos (CTR-Rio), em Seropédica. Veja fotos do trabalho de remoção, cedidas pela Comlurb.