Mourão acredita em nome técnico para a Receita e diz que Bolsonaro se recuperará para viajar

  • Por Jovem Pan
  • 14/09/2019 10h07 - Atualizado em 14/09/2019 10h11
Romério Cunha/VPRPresidente em exercício disse que não tem falado com Bolsonaro, que precisa se recuperar

O ministro da Economia, Paulo Guedes, deve escolher um nome técnico para substituir o ex-secretário Marcos Cintra na Receita Federal. De acordo com presidente em exercício, Hamilton Mourão, que conversou com Guedes nesta semana, a definição deve demorar, uma vez que a indicação terá que ser aprovada pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL).

“Está na mão do ministro Paulo Guedes, ele está analisando os nomes possíveis e vai despachar com o presidente. Minha visão particular, a pessoa que for indicada para lá tem que ter capacidade de coordenação e controle e, óbvio, bastante conhecimento do assunto”, disse Mourão.

O presidente  em exercício deverá permanecer à frente do cargo até terça-feira (17). Mourão ressalta que os médicos estão confiantes de que não haverá problemas com a viagem de Bolsonaro aos Estados Unidos, onde ele deverá fazer a abertura da Assembléia Geral das Organizações das Nações Unidas (ONU).

“Eu acho que o presidente irá à Assembleia. Inclusive, essa extensão do repouso dele é para que ele esteja em boas condições para poder viajar”, declarou.

Mourão afirmou que recebe notícias do presidente, mas que os dois não têm se falado. A recomendação médica é de que o presidente fale o menos possível. Até por conta disso, a tradicional live nas redes sociais, que acontece toda quinta-feira, durou apenas três minutos nesta semana.

*Com informações da repórter Luciana Verdolin