Novo grupo de imigrantes sai de Honduras rumo aos Estados Unidos

  • Por Jovem Pan
  • 16/01/2019 07h22
EFENesta segunda-feira, Trump afirmou, pelas redes sociais, que “apenas uma parede, ou barreira de aço, manterá os Estados Unidos seguro”

Uma nova caravana com cerca de 600 pessoas deixou nesta segunda-feira (14) a cidade de San Pedro Sula, em Honduras, na América Central, com destino aos Estados Unidos. O grupo vai seguir a mesma rota usada por, pelo menos, outras três caravanas no ano passado.

A distância que estes imigrantes pretendem percorrer é de aproximadamente 2,3 mil quilômetros, o que equivale a duas viagens de ida e volta entre São Paulo e Rio de Janeiro. Os imigrantes alegam que estão saindo do país natal por causa da pobreza e da violência e que buscam emprego e melhores condições de vida.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, tem usado estas marchas para justificar a construção de um muro na divisa com o México. Ele tenta impedir a entrada dos imigrantes ilegais no país afirmando que, pela fronteira entra “um tremendo fluxo de imigração ilegal, de tráfico de drogas e de tráfico de pessoas”.

Devido ao impasse gerado pela construção do muro, os Estados Unidos enfrentam uma paralisação parcial do governo desde o dia 22 de dezembro do ano passado.

Nesta segunda-feira, Trump afirmou, pelas redes sociais, que “apenas uma parede, ou barreira de aço, manterá os Estados Unidos seguro”.

Em outubro, outra caravana deixou Honduras, e 2,5 mil pessoas ainda estão na cidade fronteiriça de Tijuana, no México. De acordo com autoridades hondurenhas, cerca de 7 mil cidadãos já retornaram ao país.

*Informações do repórter Afonso Marangoni