Presidente do BNDES defende reforma da Previdência para ajudar no aumento de investimentos

Levy ressaltou que a aprovação da reforma tiraria a corda do pescoço do Governo

  • Por Jovem Pan
  • 26/04/2019 06h36 - Atualizado em 26/04/2019 10h20
Marcello Casal Jr./ABr Marcello Casal Jr./ABr Levy: Se a reforma da Previdência for aprovada haverá mais recurso ao Governo para fazer investimentos necessários ao País

O presidente do BNDES, Joaquim Levy, afirmou nesta quinta-feira (25) que se a reforma da Previdência for aprovada haverá mais recurso ao Governo para fazer investimentos necessários ao País, especialmente na área de infraestrutura.

O banco sediou evento sobre infraestrutura nesta quinta. Na ocasião foi apresentado um dado por uma consultoria de que o estoque de investimentos em infraestrutura no Brasil hoje é de 40%, enquanto a média mundial é de 70%.

Para o Brasil atingir essa média, precisaria de 20 anos investindo o dobro do que vem investindo em relação ao PIB.

No mesmo evento, a secretária do Ministério da Infraestrutura ressaltou que a pasta não tem dinheiro. Segundo ela, para manutenção das rodovias no Brasil seriam necessários R$ 9 bilhões.

Levy ressaltou que a aprovação da reforma tiraria a corda do pescoço do Governo, haveria mais recursos disponíveis para esses e outros investimentos.

*Informações do repórter Rodrigo Viga