Rio de Janeiro investiga transmissão local de variante delta

Mais de dez pessoas que tiveram contato com as pessoas infectadas pela cepa já testaram positivo para Covid-19; mais exames estão sendo feitos

  • Por Jovem Pan
  • 15/07/2021 06h50 - Atualizado em 15/07/2021 10h13
DANIEL RESENDE/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDOFoi isso, inclusive, que motivou o governo do Estado a recomendar para as secretarias municipais a antecipação da segunda dose da vacina de Oxford

A variante delta da Covid-19, antes chamada de variante indiana, já está circulando no Estado do Rio de Janeiro. É o que dizem fontes da Jovem Pan da área da saúde. Oficialmente, por enquanto, são dois casos confirmados — um na baixada fluminense e outro na região metropolitana. No entanto, mais de dez pessoas que tiveram contato com essas duas pessoas positivaram para o coronavírus. A certeza é quase plena que eles estão com a variante. Testes mais elaborados estão sendo feitos para confirmar a suspeita e devem ser divulgados nos próximos dias. Isso é motivo de preocupação, uma vez que a variante delta tem trazido muito problemas e dor de cabeça na Europa. Foi isso, inclusive, que motivou o governo do Estado a recomendar para as secretarias municipais a antecipação da segunda dose da vacina de Oxford para o intervalo de oito semanas. Além disso, há uma grande quantidade de “segunda dose” nos estoques das secretarias. Por isso, segundo a secretaria estadual, é hora de acelerar a imunização na tentativa de até mesmo bloquear a circulação da cepa.

*Com informações do repórter Rodrigo Viga