Roberto Jefferson: Maia pedirá impeachment de Bolsonaro se conseguir reeleição para Câmara

  • Por Jovem Pan
  • 20/04/2020 20h28 - Atualizado em 20/04/2020 20h34
Mário Agra/PTB Nacional

O ex-deputado Roberto Jefferson (PTB-RJ) detalhou, durante entrevista exclusiva ao programa Os Pingos Nos Is, da Jovem Pan, nesta segunda-feira (20), o golpe que afirmou que o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, planejou para tentar derrubar o presidente Jair Bolsonaro.

Durante uma live neste domingo, o ex-deputado, que revelou o escândalo do Mensalão, afirmou que Maia já encomendou um pedido de impeachment ao presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Felipe Santa Cruz, contra o presidente da República.

Nesta segunda, Jefferson revelou ainda que Maia “combinou com a esquerda que deixaria medidas do governo caducar” para assim ter apoio num futuro pedido de impeachment.

Na avaliação do presidente do PTB, “as atitudes de Maia comprovam tudo”. Segundo ele, o pedido de impeachment acontecerá “na hora que eles entenderem que o povo está na rua contra o Bolsonaro”.

Ainda segundo Roberto Jefferson, em troca do pedido de impeachment, Maia conquistaria a possibilidade reeleição na Câmara, o que atualmente é proibido. “Se votar a PEC 101, do ex-deputado Benedito de Lira, que diz que dentro da mesma legislação é possível a reeleição da Câmara e do Senado, é porque a troca está sendo feita”, avaliou.

Ainda segundo o ex-parlamentar, o texto da PEC 101 já voltou a tramitar na Casa. Ao comentar a visão que tem sobre a corrupção, o ex-deputado — condenado por corrupção passiva e lavagem de dinheiro — afirmou que o Congresso “recebeu uma carga antiviral de novos deputados que enfrentam o vírus da corrupção”.

“Hoje há muitos deputados que peitam a corrupção que insiste em ficar em muitos nichos do Congresso Nacional”, disse.

Assista à íntegra da entrevista com o ex-deputado Roberto Jefferson: