Depois de música contra Bolsonaro, Supla e João Suplicy lançam single com composição de Erasmo Carlos

Em entrevista ao Pânico nesta terça-feira, 13, Brothers of Brazil falaram sobre a volta da dupla, novidades musicais e a relação com os pais políticos

  • Por Jovem Pan
  • 13/07/2021 15h28
Reprodução/Pânico Supla canto enquanto seu irmão, João Suplicy, toca violão no estúdio do programa Pânico Novo single composto com Erasmo Carlos teve clipe gravado no Vale do Anhangabaú, em São Paulo

Fenômeno do humor nas redes sociais, Supla veio ao Pânico nesta terça-feira, 13, para falar sobre a volta do projeto musical que tem com o seu irmão, João Suplicy. O cantor contou sobre sua relação com política e como lida com a atuação de seus pais, Marta e Eduardo Suplicy, que já passaram em vida pública pelo PT e MDB no Senado, na Câmara Municipal e na Prefeitura de São Paulo. “Não passo pano pra ninguém, quem tá na linha de frente tem que saber levar. Lula também, Mensalão e Mensalinho. Mando PT, PSDB e todo mundo se fo***”. O artista ainda aproveitou para tocar um trecho de “Sai Fora, Bolsonaro”, música que fez para o presidente Jair Bolsonaro: “Caro presidente, e aquelas rachadinhas? Vírus e a sua família pior que o Covid.” Porém, Supla afirma que não apoia todas as atitudes de seu pai e que, inclusive, a postagem que Eduardo Suplicy fez sobre o assassinato de Lázaro foi motivo de discussão entre os dois. “Não passo pano para o meu pai. Aquela parada do Lázaro Barbosa que ele falou, eu e o André brigamos com ele.” O ex-senador questionou se Lázaro poderia ter outro caminho se lhe fosse oferecida alguma alternativa.

Em retomada do projeto em dupla de irmãos, o Brothers of Brazil lançou uma nova música com composição de Erasmo Carlos. Supla disse que o desejo de parceria vinha desde o início da pandemia, quando começou um projeto pessoal de entrevistas. “A gente resolveu lançar um álbum que vai ser em inglês e português. O lançamento de hoje é um clipe que fizemos no Vale do Anhangabaú, com distanciamento social, filmamos há duas semanas. Fizemos essa música e mandamos pro Erasmo Carlos. Quando começou essa pandemia eu comecei a fazer entrevistas com pessoas, e ele foi uma das pessoas que eu entrevistei. E teve essa conexão. A gente está honrado de ter essa música.” Apesar da série de novos lançamentos e do sucesso no Instagram, os irmãos não têm previsão para a abertura da agenda de shows. “Eu acho importante esperar, a gente não sabe o que vai acontecer. A gente está super afim, mas não adianta. Após essa vacina, vamos torcer pelo bem da humanidade”, disse Supla.

Confira na íntegra a entrevista com Supla e João Suplicy: