Rapper DMX morre aos 50 anos uma semana após parada cardíaca

Artista estava internado em uma UTI no White Plains Hospital, em Nova York, e teve a morte confirmada pela família nesta sexta-feira, 9

  • Por Jovem Pan
  • 09/04/2021 16h36 - Atualizado em 09/04/2021 17h07
Reprodução/ Instagram @DMXRapper teve um ataque cardíaco após overdose na última sexta-feira, 2

O rapper DMX morreu aos 50 anos após sofrer uma parada cardíaca. O artista estava internado em uma UTI no White Plains Hospital, em Nova York, e teve a morte confirmada pela família nesta sexta-feira, 9. Segundo o site americano TMZ, na última sexta, 2, o rapper sofreu um ataque cardíaco ocasionado por uma overdose. “Nós estamos profundamente tristes de anunciar hoje que nosso amado DMX, com nome de nascimento Earl Simmons, morreu aos 50 anos no White Plains Hospital com sua família ao seu lado”, diz o comunicado enviado pela família à imprensa americana. “A música de Earl inspirou inúmeros fãs pelo mundo e seu icônico legado vai ficar para sempre”, continuou a nota. Considerado um dos principais rappers de Nova York nos anos 90, DMX ganhou notoriedade pelas suas letras agressivas sobre a realidade em que cresceu. Sofrendo abusos familiares e problemas com drogas, o rapper firmou colaborações com outros nomes do ritmo, como Jay-Z, LL Cool J e Ja Rule. Ao longo de sua carreira, foi indicado ao Grammy em três oportunidades, uma na categoria Melhor Álbum de Rap, por “…And Then There Was X” em 2001, e outras duas em Melhor Performance Solo de Rap, por “Party Up(Up In Here)“, em 2001, e “Who We Be”, em 2002.