Filme inspirado em Chitãozinho & Xororó, ‘Evidências do Amor’ chega aos cinemas com Sandy e Porchat; veja estreias

Outras novidades são “A Paixão Segundo G.H.”, baseado na obra de Clarice Lispector e protagonizado por Maria Fernanda Cândido, “O Sabor da Vida”, com Juliette Binoche, e o novo volume da franquia “Ghostbusters”

  • Por Jovem Pan
  • 09/04/2024 15h19 - Atualizado em 09/04/2024 15h21
Divulgação Filme evidencias do amor Sandy e Fábio Porchat como o casal Marco Antônio e Laura no filme 'Evidências do Amor', que estreia no dia 11 de abril nos cinemas

A agenda de estreias de cinema da semana traz opções para todos os gostos e idades. Duas adaptações nacionais bastante aguardadas chegam às telonas:  “Evidências do Amor”, inspirada em uma das canções mais populares de Chitãozinho & Xororó, e “A Paixão Segundo G.H.”, baseada na obra homônima de Clarice Lispector, protagonizada por Maria Fernanda Cândido. Para assistir em família, são boas pedidas a animação “Um Gato de Sorte” e o novo volume da franquia “Ghostbusters”. Completam a lista três dramas europeus, entre eles, “O Sabor da Vida”, com a atriz francesa Juliette Binoche. A seguir, saiba mais sobre os lançamentos desta quinta-feira (11) nos cinemas brasileiros:

“Evidências do Amor”

Um casal se conhece em um karaokê e se apaixona após cantar em dueto uma das maiores canções da história da música brasileira, “Evidências”. Eternizada nas vozes de Chitãozinho & Xororó, a faixa serve de inspiração para essa comédia romântica, protagonizada por Sandy e Fábio Porchat nos papéis de Marco Antônio e Laura. Quando o romance termina, Marco Antônio se vê amaldiçoado: sempre que escuta “Evidências”, automaticamente se lembra de todas as discussões com Laura, de maneira hiper realista, como se fosse tele transportado para o passado. Determinado a superar a ex, ele embarca em uma jornada para descobrir como parar as memórias de uma vez. A comédia romântica é dirigida por Pedro Antônio Paes.

“A Paixão Segundo G.H.”

Maria Fernanda Cândido vive G.H. na adaptação da obra homônima de Clarice Lispector, do diretor Luiz Fernando Carvalho. No Rio de Janeiro dos anos 1960, uma escultora da elite de Copacabana decide, após o fim de uma paixão, arrumar o quarto de serviço, recém-deixado pela empregada que pediu demissão. Nesse momento, transcorre uma das cenas mais famosas da literatura nacional: ao se deparar com uma enorme barata, a mulher tem a epifania de comer o inseto. Uma crise existencial se segue, levando G.H. a questionar sua identidade e as convenções sociais que aprisionam o feminino.

“Ghostbusters: Apocalipse de Gelo”

Novo filme da franquia Caça-Fantasmas e continuação de “Ghostbusters – Mais Além”, de 2021, acompanha a família Spengler de volta à estação de bombeiros em Nova York onde os aventureiros originais desenvolveram um centro de pesquisa paranormal. Quando um artefato antigo libera uma força do mal que congela a cidade em pleno verão, todos terão de trabalhar juntos para impedir que uma segunda Era do Gelo recaia sobre a humanidade. Astros como Paul Rudd (o Homem-Formiga) e Finn Wolfhard (de Stranger Things) estão de volta à franquia, reprisando os papéis do último longa.

“O Sabor da Vida”

A parceria gastronômica entre Eugenie (Juliette Binoche) e Dodin (Benoît Magimel) rende pratos extraordinários – e acaba virando um romance de longa data, no qual Dodin insiste no desejo de se casar com Eugenie. Ela, por sua vez, preza por sua liberdade e nunca aceita, determinada a manter a relação como é. Quando chegam à meia idade, Dodin decide cozinhar para ela uma deslumbrante refeição, como uma última tentativa de conquista. O drama de época foi o escolhido pela França para concorrer ao Oscar de melhor filme internacional, mas não chegou aos finalistas. No Festival de Cannes de 2023, o cineasta vietnamita Trần Anh Hùng foi premiado como melhor diretor pelo longa.

“Um Gato de Sorte”

Beckett é um gato mimado que foi resgatado pela cientista Rose. Quando ele perde sua última vida por acidente e vai para o céu, ele insiste que merece uma exceção e acaba conseguindo negociar sua vida de volta. Antes, precisará embarcar em uma jornada peculiar: Beckett volta à Terra com nove vidas, mas com a condição de que em cada uma delas reencarnará em um animal diferente. Passando pelo corpo de um rato, um cachorro, um peixe e um cavalo, o felino terá de encontrar a melhor versão de si para merecer o retorno à antiga rotina.

“Cinema é uma droga pesada”

Nessa comédia dramática francesa, um diretor de cinema está produzindo um filme sobre a luta dos trabalhadores em busca de salvar sua fábrica. Eis que tudo vira caos: a produtora quer alterar o final do roteiro, a equipe entra em greve, o ator principal é um egocêntrico, e a vida pessoal do cineasta está em crise. Paralelamente, Joseph (Stephan Crepon), um jovem que deseja dar os primeiros passos na indústria cinematográfica, aceita dirigir o making of do longa, levando o trabalho muito à sério – a ponto de sua versão acabar saindo mais interessante que o filme principal. A direção é do francês Cédric Kahn.

“20.000 Espécies de Abelhas”

No longa espanhol, Lucía é uma menina trans de seis anos que continua sendo tratada pelo antigo nome pelos colegas de turma na escola. A chegada do verão significa uma lufada de liberdade para ela, mas sua mãe tem outros planos, pretendendo esconder a situação durante as férias no País Basco. Nesse cenário, a pequena Lucía viverá uma jornada delicada em busca de sua identidade. Entre colmeias e abelhas, ela explora sua feminilidade ao lado das mulheres de sua família, que também refletem sobre suas próprias vidas e desejos. Filme é dirigido por Estibaliz Urresola Solaguren.

cta_logo_jp
Siga o canal da Jovem Pan News e receba as principais notícias no seu WhatsApp!

Comentários

Conteúdo para assinantes. Assine JP Premium.