Leonardo Vieira promete dedicação contra homofobia: “vesti a camisa e não vou tirar”

  • Por Jovem Pan
  • 12/01/2017 14h57
Leonardo Vieira diz que vai se dedicar à luta contra homofobia - Instagram

Depois de se assumir homossexual publicamente, Leonardo Vieira está decidido a usar o momento a favor da causa. Em entrevista ao Em Cartaz JP desta quinta-feira (12), ele falou sobre a “obrigação” que sentiu, como ator, de falar sobre sua sexualidade e como pretende dar voz à luta contra a homofobia.

“Eu quis tomar as rédeas dessa situação. A partir do momento em que a foto foi publicada, pensei ‘tenho que tomar alguma atitude, tenho que fazer algo positivo e transformador que possa ajudar a sociedade’. Não vou ficar vendo os acontecimentos, porque tem muita coisa para mudar”, falou.

“Como ator, que tem uma voz que vai chegar a mais pessoas, tenho obrigação de representar muita gente”, disse ao afirmar que as mensagens de apoio que tem recebido pelas redes sociais tem sido essenciais para continuar na luta.

Daqui pra frente, Vieira pretende continuar gerando debate e discussão sobre homofobia, e pretende que o debate chegue até o Congresso, para criar uma lei que criminalize a homofobia. “É uma tarefa árdua, mas eu vesti a camisa e não vou tirar tão cedo, até que veja resultado”, garantiu.

“Se for uma melhora mínima, um degrauzinho, que leis protejam os homossexuais e criminalizem quem faz atos de homofobia, vai ser uma vitória muito grande”, disse ao finalizar: “estou muito feliz”.