Luísa Sonza revela que já fez show em velório: ‘Aprendi a trabalhar do jeito ferrenho’

Durante participação no quadro ‘No Caminho Te Explico’, cantora lembrou início de carreira aos 7 anos no interior do Rio Grande do Sul e revelou quem são suas grandes inspirações; veja a entrevista completa

  • Por Jovem Pan
  • 04/03/2021 12h48
Imagem: Reprodução/Instagram@luisasonzaDurante entrevista, Luísa Sonza revelou que seus pais são suas grandes inspirações

Uma das maiores cantoras pops mais ouvidas do Brasil, Luísa Sonza, participou nesta quinta-feira, 4, do quadro “No Caminho Te Explico“, do programa Morning Show, no qual o apresentador Fred Ring e seus convidados conversam e cantam a bordo de um Volvo XC90. Durante a entrevista, a cantora lembrou sua infância simples em Tuparendi, município do interior do Rio Grande do Sul, onde começou sua carreira em uma banda local aos sete anos. “Trabalhei cerca de dez anos em um grupo vocal, comecei cantando na banda som maior aos sete anos. Era difícil conciliar os estudos na escola e o trabalho, eu fazia cerca de 26 shows por mês. Cantava em praça, casamentos, bailes, supermercados e, até em velórios. Aprendi a trabalhar do jeito ferrenho, por isso hoje dou muito valor a tudo que tenho”, disse.

Visitando as memórias do passado, Luísa afirmou que seus pais são sua fonte de inspiração. “Meus pais me ensinaram a ser tudo que sou. A Luísa artista, a mulher independente, foi completamente inspirada por minha mãe. Já a mulher que sou no meu cotidiano, com um lado sentimental e romântico muito aflorado, veio do meu pai.” Apesar de incorporar “a braba” nos palcos, a artista revelou que não costuma ser assim em sua vida pessoal. “Sou uma boa menina, mas não exponho muito isso. Gosto de ser do contra. No dia-a-dia, sou super romântica e não consigo me relacionar com pessoas que não possuo um envolvimento mais profundo. Por isso, namorei minha vida inteira”, concluiu.

Confira na íntegra a entrevista com Luísa Sonza: