Morre cantor Steve Strange, ídolo dos anos 80 com o grupo Visage

  • Por Agência EFE
  • 13/02/2015 08h10
Steve Strange morreu aos 55 anos enquanto dormia

O cantor galês Steve Strange, do grupo musical dos anos 80 Visage, morreu de um ataque cardíaco na cidade egípcia de Sharm el-Sheikh, aos 55 anos, informou nesta sexta-feira a gravadora August Day Recordings.

O músico, conhecido pelo sucesso Fade To Grey, morreu nesta quinta-feira (12) no hospital internacional de Sharm el-Sheikh, após ter sofrido no final do ano passado alguns problemas de saúde.

“Steve morreu de uma parada cardíaca enquanto dormia. A família de Steve, os membros da banda e os amigos estão muito afetados por esta repentina notícia”, disse em comunicado a gravadora.

Nascido em Newbridge em 28 de maio de 1959, Strange -cujo verdadeiro nome era Steven John Harrington, entrou no mundo da música após ver os Sex Pistols em um show, em 1976.

Aos 15 anos, mudou-se para Londres para trabalhar com o representante dos Sex Pistols, Malcolm McClaren, antes de ajudar a fundar o Blitz Clube, no bairro londrino de Soho, local que se tornaria um ponto de encontro dos anos 80, frequentado por bandas como Duran Duran, Spandau Ballet e Culture Clube.

O cantor tinha gravado um novo álbum com o Visage, “Hearts and Knives”, em maio de 2013.