Após aumento de casos de Covid-19, Grammy 2022 é adiado

Principal premiação da indústria musical estava prevista para acontecer no dia 31 de janeiro; nova data ainda não foi revelada pelos organizadores

  • Por Jovem Pan
  • 05/01/2022 20h50
EFE/EPA/JUSTIN LANEAnúncio sobre o adiamento foi feito nesta quarta-feira, 5

Em meio ao aumento do número de casos de Covid-19 no mundo, os organizadores do Grammy Awards decidiram adiar a edição de 2022 da premiação. A informação foi anunciada nesta quarta-feira, 5. “Após cuidadosa consideração e análise com autoridades municipais e estaduais, especialistas em saúde e segurança, a comunidade artística e nossos muitos parceiros, a Recording Academy e a CBS adiaram o 64º GRAMMY Awards Show”, afirmaram a Recording Academy e a rede CBS. “A saúde e a segurança daqueles em nossa comunidade musical, do público ao vivo e das centenas de pessoas que trabalham incansavelmente para produzir nosso show continua sendo nossa prioridade”, continuaram os organizadores. Originalmente, a premiação estava marcada para acontecer no dia 31 de janeiro. Uma nova data ainda não foi anunciada. Na segunda-feira, 3, os Estados Unidos registraram mais de 1 milhão de casos de Covid-19.