CPM 22 oficializa saída de baterista Japinha após acusação de assédio

Mensagens trocadas entre o músico e uma garota de 16 anos pesaram na decisão da banda

  • Por Jovem Pan
  • 17/08/2020 15h05
Reprodução/InstagramRicardo Japinha estava na banda desde 1999

Nesta segunda-feira, 17, a banda CPM 22 oficializou a saída de Japinha do grupo. O baterista estava afastado desde o mês de junho após prints de uma conversa dele com uma menina menor de idade terem vazado nas redes sociais. As mensagens continham elementos de assédio por parte do artista que confirmou todo o caso, mas alegou que a intenção era fazer “brincadeiras” sem “intenção de seduzir”. O anúncio foi postado nas redes sociais da equipe pelo vocalista Fernando Badauí. “Depois de sermos surpreendidos com o teor das questões relacionadas ao nosso baterista Ricardo Japinha, tentamos entender realmente o que significava isso tudo e chegamos à conclusão que esse tipo de conduta NÃO condiz com o que acreditamos e com o que a banda defende”, diz a nota.

Segundo o vocalista, a decisão foi tomada após uma conversa com todos os membros. “Todos cometemos erros, mas alguns, infelizmente comprometem uma relação!!”. O CPM 22 está na estrada desde 1995 e estourou nos topos das paradas de música brasileira nos anos 2000 com o lançamento de seu álbum de estreia ‘A Alguns Quilômetros de Lugar Nenhum’. Desde então já gravaram sete discos de estúdio, três álbuns ao vivo e duas coletâneas. O grupo ainda não anunciou um substituto para Japinha, que entrou na banda em 1999, e segue tendo Badauí (vocalista), Luciano (guitarrista) e Phil (guitarrista). Leio comunicado na íntegra:

View this post on Instagram

BOM DIA FÃS E AMIGOS!!! Por favor, leiam atentamente como se eu tivesse falando e olhando no olho de cada um de vocês!! Em 1995 o Wally me chamou pra montar o CPM que depois se tornaria CPM22. Desde então, isso passou a ser a minha razão de viver, assim como a oportunidade de poder expôr meus ideais, o que acredito, o que me incomoda, o que me deixa feliz, as frustrações, o amor… A banda se tornou profissional, caímos na estrada, foi e está sendo a realização de um sonho, mas com isso, mesmo sendo algo sensacional, vem o desgaste, a convivência e as divergências. Isso é normal, desde que não ponha em risco o principal motivo de estarmos aqui, o CPM22. Cada integrante que saiu da banda, saiu por alguma razão e estamos passando de novo pela mesma situação. Depois de sermos surpreendidos com o teor das questões relacionadas ao nosso baterista Ricardo Japinha, tentamos entender realmente o que significava isso tudo e chegamos à conclusão que esse tipo de conduta NÃO condiz com o que acreditamos e com o que a banda defende. Dito isto, venho aqui comunicar que, após uma conversa franca, entre nós, olho no olho, o Japinha está sendo desligado do CPM22. Nossas decisões sempre foram e sempre serão tomadas para o melhor da banda, como instituição. Todos cometemos erros, mas alguns, infelizmente comprometem uma relação!! Agradecemos de coração e o desejamos sorte!! Quem quiser seguir com o CPM22, vamo com tudo!! Eu amo essa porra, essa banda faz parte de mais da metade da minha vida e às vezes temos que tomar decisões difíceis. Se não tivéssemos enfrentado cada situação, boa ou ruim, com seriedade, não estaríamos completando 1/4 de século de existência!! Bom, é isso, aguardem as novidades!!! Fiquem em paz!! Beijos e abraços!! Badaui

A post shared by CPM 22 (@cpm22) on