Gabriel Elias revela sonho de ser pai: ‘Tenho a sensação de que vou ter uma menina, já fiz até música’

Dono do hit ‘Fiz esse som pra você’ também falou sobre referências, relacionamentos amorosos e como foi o início da carreira de cantor

  • Por Jovem Pan
  • 01/07/2021 14h10 - Atualizado em 01/07/2021 15h49
Reprodução/Instagram/gabrieleliasCantor Gabriel Elias participou do quadro 'No Caminho Te Explico', da Jovem Pan

O cantor Gabriel Elias foi o convidado especial da última edição do quadro No Caminho Te Explico, do programa Morning Show, nesta quinta-feira, 1. Em conversa com a apresentadora Kamila Pavão a bordo de um Volvo XC40, o mineiro de 27 anos contou que o sonho de sua vida é ser pai e que, inclusive, já compôs uma música especial sobre isso. “Eu sou maluco, tenho a sensação que vou ter uma menina.” Gabriel aproveitou para mostrar um trechinho da composição durante a entrevista: “Maria, se tu chorar eu canto pra você, invento histórias para adormecer”. Os sucessos românticos do artista têm como inspiração um namoro que já dura anos, mas que enfrentou dificuldades em relação à distância por um tempo. “Eu sou um ‘namorido’. A gente namora há um tempo. Ela viveu comigo desde a época dos barzinhos em Belo Horizonte. Eu sempre ficava nessa de ir pra lá e ela vir pra cá. Hoje a gente mora junto, cuida um do outro, é bem especial”, conta o cantor.

Gabriel Elias relatou que possui apoio e influência dos pais em sua carreira desde a infância. “Minha família é muito incrível. Eles me apoiaram muito. Meu pai tocava viola por hobby e minha mãe, como diversas mães nesse país, era doida pelo Fábio Júnior”, explica. Hoje, dono de parcerias com Vitor Kley e Atitude 67, o cantor é um fenômeno da nova geração do reggae com composições e covers que ultrapassam trinta milhões de reproduções no Youtube e afirma que suas inspirações na música vão além de bandas de reggae como Maneva, Cidade Negra e Natiruts. Artistas como Fábio Júnior e Zeca Pagodinho também fazem parte de suas referências. 

Entre as inspirações para suas composições, o músico contou que o mar é uma das principais: “Eu sempre tive uma ligação com a praia, e é louco porque eu sou mineiro. A praia participa da gente em momentos muito especiais, como os momentos em família. O que acaba se tornando algo espiritual”, explica. Gabriel Elias ainda falou sobre a espontaneidade no processo de composição de suas músicas e que já chegou a compor durante uma viagem. “Anjo Protetor é uma música que eu fiz no avião, eu lembro direitinho. Tinham dois caras dormindo do meu lado, a música veio na minha cabeça, eu liguei o gravador e comecei.”