Evangeline Lilly, atriz da Marvel, participa de protesto contra vacina obrigatória

Intérprete da heroína Vespa explica em post nas redes sociais que é ‘pró-escolha’: “Acredito que ninguém deveria ser forçado a injetar nada em seu corpo”

  • Por Jovem Pan
  • 27/01/2022 19h42
Reprodução / Marvel Atriz Evangeline Lilly em filme da Marvel Evangeline Lilly interpretou a Vespa no Universo Marvel e também esteve na franquia O Senhor dos Anéis

A atriz Evangeline Lilly, que interpreta a heroína Vespa no Universo Cinematográfico Marvel, se posicionou contra a obrigatoriedade das vacinas  e participou de um protesto contra a medida em Washington, capital dos Estados Unidos. Em texto publicado nas redes sociais, Lilly afirmou que é ‘pró-escolha’. “Acredito que ninguém deveria ser forçado a injetar nada em seu corpo. Esse não é o caminho. Isso não é seguro. Isso não é saudável. Isso não é amor. Eu acredito que o mundo está com medo, mas não acredito que combater medo com força vá resolver nossos problemas”, afirmou a artista. Segundo a atriz, que também interpretou Kate Austen em “Lost” e Tauriel em “O Hobbit”, nenhuma ameaça deveria ser feita para quem não deseja se vacinar.

A Marvel já teve problemas antes com outra atriz que foi contra as vacinas utilizadas para conter a Covid-19: Letitia Wright, que interpreta a personagem Shuri e era a principal escolha para assumir o manto de Pantera Negra após a morte de Chadwick Boseman, republicou em sua conta no Twitter um vídeo em que um youtuber fala diversas teorias conspiratórias sobre as vacinas e, segundo a imprensa norte-americana, ela preferiria deixar a Marvel a receber um imunizante. Wright continua no elenco de Pantera Negra: Wakanda Forever, mas ainda não se sabe qual será o tamanho da sua participação no filme, previsto para ser lançado em novembro de 2022.