Edílson Capetinha diz que jogaria no PSG de Messi e Neymar: ‘Di María é pé de rato’

Campeão do mundo com a seleção brasileira em 2002, o hoje comentarista da TV Bandeirantes afirmou que atuaria na vaga do argentino

  • Por Jovem Pan
  • 10/08/2021 13h48 - Atualizado em 10/08/2021 15h57
Reprodução/Estadão Conteúdo/Banco de Imagens Edílson Capetinha comemora gol com a camisa do Corinthians Edílson Capetinha comemora gol com a camisa do Corinthians

O Paris Saint-Germain está muito perto de oficializar Lionel Messi como reforço. O argentino será a cereja do bolo do clube, que já conta com uma equipe “galáctica”, com Neymar, Kylian Mbappé, Sergio Ramos, Marquinhos, entre outros craques. O ex-jogador Edílson Capetinha, no entanto, acredita que teria uma vaga na atual equipe treinada por Maurício Pochettino. Campeão do mundo com a seleção brasileira em 2002, o hoje comentarista da TV Bandeirantes disse que atuaria na vaga de Ángel Di María. “Eu teria espaço sim. Lógico que teria. Para com isso. Esse Di María jogou mais do que eu? Vocês dão valor às coisas dos outros. Esse Di María é pé de rato”, afirmou Edílson nesta terça-feira, 10, durante o programa Jogo Aberto. “Joga o Messi na ponta e eu armo ali no meio igual quando comecei no Guarani”, completou o ex-atacante, que foi bi do Brasileiro com o Palmeiras e duas vezes campeão nacional pelo Corinthians — ele também foi fundamental na conquista do Mundial de Clubes do Alvinegro paulista.