Eliminatórias: São Paulo autoriza Brasil x Argentina com 12 mil torcedores na Neo Química Arena

Interessados em comparecer não precisarão ter recebido as duas doses da vacina contra a Covid-19, sendo necessário apenas o comprovante do teste negativo realizado em até 48 horas antes do evento

  • Por Pedro Sciola
  • 24/08/2021 15h19 - Atualizado em 24/08/2021 16h32
EFE/Andre CoelhoMessi e Casemiro durante a final da Copa América entre Argentina e Brasil, no Maracanã

A partida entre Brasil e Argentina, válida pelas Eliminatórias Sul-Americanas da Copa do Mundo de 2022, marcada para o dia 5 de setembro, na Neo Química Arena, poderá contar com 12 mil torcedores. Em nota, a Secretaria de Esporte do Estado de São Paulo informou que o jogo será um evento-teste para o retorno do público aos estádios. Na ocasião, os interessados em comparecer ao local não precisarão ter recebido as duas doses da vacina contra o novo coronavírus. Será necessário apenas o comprovante do teste negativo realizado em até 48 horas antes do evento. “O cenário atual da pandemia, com diminuição da ocupação de leitos de UTI para menos de 40% em todo o Estado e o avanço da vacinação, permite que sejam realizados eventos-teste, com controle e acompanhamento de especialistas”, diz o órgão.

“A Secretaria de Esportes do Estado informa que a partida entre Brasil e Argentina, no próximo dia 5, será um evento-teste, com a participação de 12 mil torcedores. Será autorizada apenas a presença de torcedores que apresentarem teste negativo realizado em até 48 horas antes do evento. Após a partida, todo o público presente será testado e acompanhado por 15 dias. O cenário atual da pandemia, com diminuição da ocupação de leitos de UTI para menos de 40% em todo o Estado e o avanço da vacinação, permite que sejam realizados eventos-teste, com controle e acompanhamento de especialistas”, diz a nota completa enviada à Jovem Pan.

Finalistas da última Copa América, realizada em território brasileiro, entre junho e julho deste ano, Brasil e Argentina estão bem colocados nas Eliminatórias. O time de Tite, até o momento, tem uma campanha perfeita, com vitórias e 100% de aproveitamento. A seleção albiceleste, por sua vez, é a segunda colocada, com 12 pontos conquistados e também invicta na competição. Antes do clássico, a Canarinho visita o Chile, na cidade de Santiago, no dia 2. No mesmo dia, os argentinos terão pela frente a Venezuela, em Táchira, fora de casa.