Everson brilha nos pênaltis, Atlético-MG vence o Boca e está nas quartas da Libertadores

Times empataram em 0 a 0 no tempo normal e decisão foi para os pênaltis; Galo venceu por 3 a 1

  • Por Jovem Pan
  • 20/07/2021 21h28 - Atualizado em 20/07/2021 21h33
EFE/ Bruna PradoGoleiro Everson defendeu duas cobranças e bateu o pênalti da classificação

O jogo decisivo entre Atlético-MG e Boca Juniors, pela volta das oitavas de final da Copa Libertadores, foi quente no Mineirão. Após o 0 a 0 na ida, os times repetiram o placar e a vaga para as quartas foi disputada nos pênaltis. Nas cobranças, o Galo venceu por 3 a 1 e está nas quartas de final. O Atlético-MG começou melhor. Logo aos três minutos, o time mineiro emplacou um contra-ataque veloz e Zaracho ficou de frente para Rossi, mas chutou em cima do goleiro. O Boca foi equilibrando as oportunidades, mas o Atlético teve uma nova chance de balançar as redes com Savarino, aos 32 minutos, que chutou cruzado para fora. No segundo tempo, os argentinos retornaram melhor e aos 17 minutos, depois de cobrança de falta, Everson soltou a bola na grande área e Weigandt finalizou para as redes.

O lance foi revisado pelo VAR e anulado por impedimento. No momento da revisão, uma confusão paralisou a partida por alguns minutos e causou expulsões de jogadores do banco de reservas. A partir daí o jogo ficou ainda mais nervoso, tanto pela necessidade de gols como pelos ânimos dos jogadores. O Galo tomou mais as rédeas da partida e começou a chegar mais no ataque adversário a partir dos 30 minutos, mas não conseguiu balançar as redes e a decisão foi para os pênaltis. Nas cobranças, o goleiro Everson defendeu as cobranças de Villa e Rolón e ainda bateu o pênalti decisivo. Pelo Atlético, Hulk e Hyoran desperdiçaram as cobranças. O time brasileiro agora espera o vencedor de River Plate e Argentinos Juniors.