Ex-jogador do Flamengo morre vítima de Covid-19: ‘Era uma pessoa maravilhosa’

Ele tinha 58 anos e estava internado no Hospital das Clínicas de São Gonçalo, no Rio de Janeiro

  • Por Jovem Pan
  • 16/08/2020 18h50 - Atualizado em 16/08/2020 18h50
Arquivo PessoalAntônio Carlos jogou no Flamengo nas décadas de 1970 e 1980

O ex-zagueiro Antônio Carlos Ferreira da Costa, que jogou no Flamengo nas décadas de 1970 e 1980, as mais vencedoras da história do clube, morreu no último sábado, 15, em São Gonçalo, no Rio de Janeiro, vítima da Covid-19. Ele, que tinha 58 anos, estava internado no Hospital das Clínicas de São Gonçalo. “Antônio Carlos era uma pessoa maravilhosa, um ser humano inigualável. Nós, que tivemos a oportunidade de conviver com ele por meio do futebol, estamos muito tristes e não encontramos palavras para expressar nossa dor. À família, desejamos forças, e para nós, ele ficará no nosso coração”, escreveu Maurício Chavier Pimenta, amigo do ex-jogador, nas redes sociais.

Revelado pelo Flamengo, Antônio Carlos atuou ao lado de jogadores como Zico, Júnior, Leandro, Tita e Gaúcho no clube rubro-negro. Nas décadas de 1970 e 1980, a equipe da Gávea viveu o melhor momento de sua história e, entre outros títulos, faturou quatro Campeonatos Brasileiros, seis Campeonatos Cariocas, uma Copa Libertadores da América e uma Copa Intercontinental, equivalente ao atual Mundial de Clubes. Depois de se aposentar, Antônio Carlos continuou jogando futebol, mas apenas de maneira recreativa, na cidade de São Gonçalo, onde nasceu.