Campeão pela Argentina na Copa de 1978 morre por complicações da Covid-19

Luque foi herói na histórica e polêmica goleada sobre o Peru; já no final da carreira, nos anos 1980, o atacante teve duas rápidas passagens pelo futebol brasileiro, atuando no Santos em 1983 e 1984

  • Por Jovem Pan
  • 15/02/2021 17h17 - Atualizado em 15/02/2021 17h19
Reprodução/InstagramLeopoldo Jacinto Luque morreu aos 71 anos

Campeão pela Argentina da Copa do Mundo de 1978, Leopoldo Jacinto Luque morreu nesta segunda-feira, 15, aos 71 anos, por complicações da Covid-19. De acordo com a imprensa local, o ex-atacante contraiu o novo coronavírus no início do ano e estava internado desde então. No primeiro título mundial da “Albiceleste”, Luque foi um dos destaques do time, marcando quatro vezes ao longo do torneio, sendo dois gols na histórica e polêmica goleada sobre o Peru, ainda na primeira fase.

Luque fez sucesso em vários times argentinos entre os anos 1960 e 1970, como no Rosario Central, Racing e, principalmente, no River Plate, onde foi tetracampeão do Campeonato Argentino. Já no final da carreira, nos anos 1980, ele teve duas rápidas passagens pelo futebol brasileiro, atuando no Santos em 1983 e 1984.