Gabigol concorre com Messi, CR7 e Neymar ao prêmio de melhor do mundo da IFFHS

O atacante do Flamengo é o único entre os 32 atletas finalistas a atuar no futebol sul-americano; confira a lista completa

  • Por Jovem Pan
  • 29/10/2021 11h58
Reprodução/Twitter/Flamengo_en/18.07.2021Gabriel Barbosa comemora gol marcado com a camisa do Flamengo

Gabriel Barbosa, atacante do Flamengo, surpreendeu ao ficar entre os 32 finalistas ao prêmio de melhor jogador do mundo de 2021 da International Federation of Football History and Statistics (IFFHS), a Federação Internacional de História e Estatísticas do Futebol, em português. Além do artilheiro do Rubro-Negro, o órgão escolheu mais três brasileiros na disputa, sendo eles: Neymar e Marquinhos, ambos do Paris Saint-Germain, além do volante Casemiro, Real Madrid. O quarteto está concorrendo com grandes nomes, como Lionel Messi, Cristiano Ronaldo, Robert Lewandowski, entre outros. Veja a lista completa abaixo.

Gabigol foi o único entre os 32 atletas a atuar no futebol sul-americano. Além dele, dois jogadores atuam na Ásia ainda foram incluídos, enquanto os outros 29 jogam por equipes da Europa. Vale lembrar que o prêmio não é tão renomado quanto ao The Best, organizado pela Fifa, ou a Bola de Ouro, entregue pela revista “France Football”. O atacante do Flamengo, em 2021, soma 35 jogos, com 27 gols no período. Ele, entretanto, vive seca de oito partidas sem balançar as redes pela equipe carioca. Com a seleção brasileira, foram três gols feitos.

Veja os indicados ao prêmio de melhor do mundo da IFFHS:

  • Gianluigi Donnarumma (Itália, Milan AC, Paris SG)
  • Leonardo Bonucci (Itália, Juventus)
  • Jorginho (Itália, Chelsea FC)
  • Kevin De Bruyne (Bélgica, Manchester City FC)
  • N’Golo Kanté (França, Chelsea FC)
  • Kylian Mbappé (França, PSG)
  • Robert Lewandowski (Polônia, FC Bayern München)
  • Raheem Sterling (Inglaterra, Manchester City FC)
  • Cristiano Ronaldo (Portugal, Juventus/Manchester United FC)
  • Erling Haaland (Noruega, Borussia Dortmund)
  • Lionel Messi (Argentina, Barcelona/PSG)
  • Rodrigo De Paul (Argentina, FC Porto)
  • Neymar (Brasil, PSG)
  • Casemiro (Brasil, Real Madrid CF)
  • Marquinhos (Brasil, PSG)
  • Gabriel Barbosa (Brasil, Flamengo)
  • Luis Díaz (Colômbia, FC Porto )
  • Akram Afif (Qatar/Al Saad SC)
  • Sardar Azmoun (Irã/Zenith)
  • Mehdi Taremi (Irã/FC Porto)
  • Son Heung Min (Coreia do Sul/Tottenham)
  • Ali Mabkhout (UAE/Al Jazira)
  • Achraf Hakimi (Marrocos/Paris SG)
  • Sadio Mane (Senegal/Liverpool FC)
  • Kalidou Koulibaly (Senegal/Napoli SSC)
  • Riyadh Mahrez (Argélia/Manchester City FC)
  • Mohamed Salah (Egito/Liverpool FC)
  • Alphonso Davies (Canadá/FC Bayern München)
  • Winston Mc Kennie (EUA/Juve)
  • Giovanni Reyna (EUA/Borussia Dortmund)
  • Raul Jimenez (México/Wolverhampton)
  • Hector Herrera (México/Atletico Madrid)