Mulher que acusou Neymar de estupro prestará segundo depoimento

  • Por Jovem Pan
  • 04/06/2019 14h52
Ian Langdson/EFEA data e o motivo não foram revelados

A mulher que acusou Neymar de estupro deve ir à delegacia prestar seu segundo depoimento, de acordo com informações da TV GloboA data não foi revelada. Até agora, o único comparecimento dela foi para registrar o boletim de ocorrência, nesta sexta-feira (31).

A Secretaria de Segurança Pública e a Polícia Civil seguem dizendo apenas que a investigação corre em sigilo de Justiça e os detalhes não serão divulgados. O advogado do jogador, Davi Tangerino, informou que ele se apresentará voluntariamente e que eles estão “encontrando um dia que seja conveniente para a delegacia, com o fluxo da investigação”. Ele é o maior interessado em esclarecer isso”, completou.

No entanto, Tangerino afirmou que se reuniu na tarde desta segunda-feira, na 6ª delegacia da Defesa da Mulher, com a delegada do caso, Juliana Lopes Bussacos e que não há data definida para Neymar prestar depoimento. “Quem manda na condução dos atos do inquérito é a delegada. Tem de ver qual o momento que ela quer ouvi-lo.”

Denúncia

Neymar ganhou as manchetes de todos os jornais nesse final de semana, mas não foi por nada que fez dentro das quatro linhas do gramado. Na noite do último sábado (1º), caiu como uma bomba a informação de que o craque da seleção brasileira estava sendo acusado de estupro por uma jovem brasileira.

A informação inicial divulgada era que uma jovem havia registrado um boletim de ocorrência na 6ª Delegacia de Defesa da Mulher, em Santo Amaro, contra Neymar, o acusando de estupro. Segundo relato da mulher, ela teria conhecido o jogador via Instagram. Entre uma conversa mais picante e outra, o craque do PSG convidou a moça para uma visita a Paris. Por meio de um assessor, ela recebeu passagem e hospedagem. O suposto estupro teria acontecido no dia 15 de maio, no Hotel Sofitel Paris Arc Du Triomphe.