Organizada do Palmeiras se reúne com Luxemburgo, Felipe Melo e Dudu

  • Por Jovem Pan
  • 10/01/2020 18h22

A torcida organizada Mancha Alviverde, a principal e mais numerosa do Palmeiras, se reuniu nesta sexta-feira com o técnico Vanderlei Luxemburgo e três importantes jogadores do time: Dudu, Felipe Melo e Bruno Henrique. Segundo informações publicadas pela torcida nas redes sociais, o encontro serviu para ressaltar a insatisfação com os resultados do ano passado e manifestar apoio para 2020.

Pela organizada, estiveram presentes no encontro o presidente André Guerra e o ex-presidente Paulo Serdan, atual conselheiro do Palmeiras. “A conversa foi muito produtiva, pudemos explanar o nosso sentimento, nossa indignação e a nossa visão sobre diversos fatos ocorridos no passado. Além disso, falamos, também, sobre a situação atual do time e ouvimos o que eles tinham a nos dizer”, escreveu a Mancha Alviverde em nota publicada no seu perfil no Facebook.

O técnico e os jogadores do Palmeiras explicaram aos torcedores sobre o momento de reformulação do time. Os membros da Mancha Alviverde ouviram que não está descartada a saída de outros atletas, assim como a chegada de possíveis reforços. “Lavamos toda a roupa suja que tínhamos que lavar”, diz o texto.

Após ter rompido com a organizada durante a gestão do presidente Paulo Nobre (2012 a 2016), o Palmeiras se aproximou da Mancha Alviverde após o início do mandato de Mauricio Galiotte, em 2017 A agremiação voltou a frequentar a Academia de Futebol e em outras ocasiões nesse mesmo período também se encontrou com treinadores e alguns jogadores.

A Mancha Alviverde prometeu apoiar a equipe no início de temporada e se encarregou de fazer cobranças que considerar necessárias. O Palmeiras viaja neste sábado aos Estados Unidos para a disputa da Florida Cup, em Orlando, e terá a estreia em competições oficiais em 2020 no dia 22 de janeiro, contra o Ituano, fora de casa.

*Com informações de Estadão Conteúdo