Rodrigo Caio confirma presença em decisão e quer Ceni ‘por muito tempo’ no Flamengo

O zagueiro garantiu presença na partida contra o São Paulo, válida pela última rodada do Campeonato Brasileiro, após se recuperar de uma pancada no tornozelo

  • Por Jovem Pan
  • 24/02/2021 11h35 - Atualizado em 24/02/2021 17h07
@AlexandreVidal1 /CRFRodrigo Caio concedeu entrevista coletiva no Flamengo

O zagueiro Rodrigo Caio, do Flamengo, concedeu entrevista coletiva na manhã desta quarta-feira, 24, e confirmou presença na partida diante do São Paulo, no Morumbi, amanhã, em confronto válido pela última e decisiva rodada do Campeonato Brasileiro. Recuperado, o defensor afirmou que não terá problemas para enfrentar o seu ex-clube. “Tive uma pancada forte no tornozelo, mas graças a Deus estou bem. Ontem (terça) não fui a campo para seguir meu trabalho de recuperação e fortalecimento. Mas hoje já vou treinar junto com o grupo. Estou apto para jogar. Que a gente esteja numa grande noite”, disse.

Na entrevista, Rodrigo Caio também falou sobre a importância de Rogério Ceni para a recuperação do Rubro-Negro no Brasileirão. No entendimento dele, o treinador precisa ficar no cargo para a próxima temporada. “O Rogério vem fazendo um grande trabalho e tirando o máximo de cada jogador, o que é o mais importante. Por mais que seja jovem, conhece muito, tem experiência nestes momentos de tirar o máximo. O conheço muito bem. Vem fazendo um grande trabalho e esperamos que fique por muito tempo. Sabemos a dificuldade que é uma troca de treinador. Nessa temporada foi muito difícil para nós, isso afeta muito. Esperamos terminar com chave de ouro a temporada e que a gente escreva uma história bonita”, declarou.

Para faturar o título, o líder Flamengo depende de apenas uma vitória contra o São Paulo, algo do time nesta temporada – em três confrontos (2 pela Copa do Brasil e um pelo Brasileiro), os paulistas venceram todos, aplicando um 9 a 2 no placar agregado. Rodrigo Caio, porém, garante que o time carioca se comportará de maneira diferente. “É um outro momento. Tivemos jogos difíceis contra o São Paulo. Em 2019, também. Hoje, estamos em um momento melhor do que nos jogos pela Copa do Brasil e Brasileiro. Crescemos muito de produção. Temos que nos concentrar em fazer nosso trabalho. Temos uma ideia de jogo e um time qualificado. Se controlarmos nossas ações e nossa intensidade, vamos estar mais perto da vitória. Tenho certeza de que não vai faltar comprometimento em um jogo decisivo como esse”, afirmou.