Rogério Ceni revela sentimento de ser campeão com o Flamengo no Morumbi; assista

Ídolo do São Paulo, o treinador também falou sobre a relação com o clube paulista, onde conquistou 18 títulos como atleta

  • Por Jovem Pan
  • 26/02/2021 10h58 - Atualizado em 26/02/2021 14h36
Foto: ALEXANDRE BRUM/ENQUADRAR/ESTADÃO CONTEÚDORogério Ceni é exaltado por jogadores do Flamengo após a conquista do Campeonato Brasileiro

Rogério Ceni começou no futebol no São Paulo, morou nas instalações no Morumbi e, com o título brasileiro do Flamengo da última quinta-feira, 25, chegou ao 10º troféu conquistado no estádio localizado na zona sul da capital paulista. Questionado sobre o tema em entrevista coletiva, o treinador revelou que, de fato, vencer o Brasileirão no Cícero Pompeu de Toledo é “especial” e demonstrou respeito e gratidão aos torcedores do Tricolor.

“Olha, sem dúvida nenhuma, esse local é especial para mim. Eu comecei a minha carreira como atleta aqui, joguei por 25 anos no São Paulo, clube que eu tenho o maior respeito e carinho. É uma história que não vai se apagar nunca. Foi a primeira parte da minha vida e sou eternamente grato ao torcedor e ao clube, que me projetaram para o mundo do futebol. E, agora, na segunda parte da vida, começando também no São Paulo e indo para o Fortaleza, eu tenho esse presente, que é ganhar o Brasileiro como rubro-negro. Colocar uma estrela no peito do uniforme vermelho e preto. Então, para mim, é especial pelo local que comecei e pelo clube que eu posso trabalhar”, disse Ceni.

Já quanto ao jogo, Rogério Ceni afirmou que ficou chateado com a derrota por 2 a 1, ainda que tenha considerado o Flamengo superior durante a partida. “Honestamente, eu não gosto de perder e não me conformo com a derrota de hoje. Nós dominamos o jogo! O São Paulo teve a oportunidade de fazer o gol com um erro de arbitragem, no final do primeiro tempo. Não conseguimos reverter esse domínio em gols. Então, você acaba ficando chateado. É claro que é um campeonato de pontos corridos, onde o que vale é o todo. No momento desacreditado do Flamengo, conseguimos fazer 36 pontos em 18 rodadas, um aproveitamento muito bom. Tenho certeza que o Rio de Janeiro amanhece muito mais alegre e feliz”, completou.

Assista aos trechos abaixo