Santos pede desculpas ao Corinthians, identifica invasores da Vila Belmiro e expulsa um sócio 

Além disso, o Alvinegro praiano promete entrar na Justiça contra os torcedores infratores, caso seja penalizado financeiramente pelo STJD

  • Por Jovem Pan
  • 14/07/2022 15h02
FERNANDA LUZ/AGIF - AGÊNCIA DE FOTOGRAFIA/ESTADÃO CONTEÚDO Santos x Corinthians, pelas oitavas da Copa do Brasil 2022, terminou com invasão na Vila Belmiro Santos x Corinthians, pelas oitavas da Copa do Brasil 2022, terminou com invasão na Vila Belmiro

O Santos emitiu uma nota oficial na tarde desta quinta-feira, 14, para pedir desculpas aos atletas do Corinthians que sofreram com a invasão de campo na noite da última quarta-feira, após o duelo válido pela rodada de volta das oitavas de final da Copa do Brasil. No comunicado, o Peixe afirma que os sete invasores da Vila Belmiro foram identificados pela Polícia Militar e dá os nomes dos infratores. De acordo com a diretoria, um dos santistas pertence ao quadro de sócios, mas será expulso devido ao incidente. Além disso, o Alvinegro praiano promete entrar na Justiça contra os torcedores, caso seja penalizado financeiramente pelo Supremo Tribunal de Justiça Depostiva (STJD).

“Leonardo Valeriano de Souza, Roberto Henrique Sabioni, Tiago Rodrigues de Souza, Lucas da Silva Ramos, Cristopher Barbosa Barcelos, Matheus da Silva Pereira e Gabriel Andrade dos Santos foram detidos e identificados pela Polícia Militar, já tendo sido elaborados os respectivos Boletins de Ocorrência com a aplicação de pena restritiva de direitos aos mesmos, consistente em multa pecuniária em favor do Estado, denúncia junto ao Ministério Público. Destes sete, o Santos FC já identificou que Gabriel Andrade dos Santos pertence ao quadro de sócios do Clube e iniciará o processo de expulsão. Eventuais danos financeiros que o Clube venha a sofrer, em razão dessa ocorrência, serão cobrados judicialmente dos infratores”, informou o clube.

Confira a nota do Santos na íntegra

Sobre os fatos ocorridos ao final da partida Santos x Corinthians pela Copa do Brasil na Vila Belmiro:

O Santos FC lamenta os fatos ocorridos ao final da partida contra o Corinthians, na noite de quarta-feira (13), na Vila Belmiro. O Clube não pode compactuar com atitudes agressivas, contra tudo o que o esporte prega, e lamenta ter sido palco para que vândalos travestidos de torcedores agissem como marginais.

Leonardo Valeriano de Souza, Roberto Henrique Sabioni, Tiago Rodrigues de Souza, Lucas da Silva Ramos, Cristopher Barbosa Barcelos, Matheus da Silva Pereira e Gabriel Andrade dos Santos foram detidos e identificados pela Polícia Militar, já tendo sido elaborados os respectivos Boletins de Ocorrência com a aplicação de pena restritiva de direitos aos mesmos, consistente em multa pecuniária em favor do Estado, denúncia junto ao Ministério Público.

Destes sete, o Santos FC já identificou que Gabriel Andrade dos Santos pertence ao quadro de sócios do Clube e iniciará o processo de expulsão. Eventuais danos financeiros que o Clube venha a sofrer, em razão dessa ocorrência, serão cobrados judicialmente dos infratores.

O Santos FC se desculpa com toda a sua torcida, com os atletas do time adversário, com a CBF e com o público em geral que assistiu a esses atos inaceitáveis.