Santos responde Independiente e diz estar tranquilo por escalação de Kaio Jorge; entenda

O Peixe afirmou que está confiante após receber a notícia de que o clube da Argentina vai tentar anular a partida disputada ontem, pela Copa Sul-Americana

  • Por Jovem Pan
  • 16/07/2021 15h50 - Atualizado em 16/07/2021 17h30
Foto: GUILHERME DIONíZIO/CÓDIGO19/ESTADÃO CONTEÚDO Kaio Jorge domina a bola durante partida entre Santos x Independiente pela Copa Sul-Americana

O Santos emitiu um comunicado na tarde desta sexta-feira, 16, para dizer que está tranquilo após receber a notícia de que o Independiente, da Argentina, vai tentar anular a partida disputada ontem contra o time brasileiro, na Vila Belmiro, válida pelas oitavas de final da Copa Sul-Americanao Peixe venceu por 1 a 0. O clube argentino alega que Kaio Jorge, autor do gol dos santistas, não poderia ter entrado em campo porque tinha três cartões amarelos na Libertadores e, portanto, deveria cumprir suspensão no outro torneio organizado pela Conmebol.

Hoje, porém, o Santos se mostrou confiante quanto ao tema. “Para evitar qualquer dúvida, o Clube formalizou consultas oficiais à Conmebol em relação à escalação dos atletas Kaio Jorge e Camacho. Nas duas situações, a resposta da entidade, como o Santos já esperava, foi positiva em relação à escalação dos atletas”, disse a diretoria da agremiação praiana, citando o artigo 75.3 do Código Disciplinar da Conmebol. O item prevê que “a suspensão imputada a um jogador, por acúmulo de cartões amarelos, em diferentes partidas em uma mesma competição, em nenhum caso será transferida para outra competição.”

Confira a nota do Santos na íntegra:

O Santos FC esclarece que o atacante Kaio Jorge estava apto a jogar diante do Independiente, da Argentina, pela Conmebol Sul-Americana, na quinta-feira, dia 15, na Vila Belmiro. Para evitar qualquer dúvida, o Clube formalizou consultas oficiais à Conmebol em relação à escalação dos atletas Kaio Jorge e Camacho. Nas duas situações, a resposta da entidade, como o Santos já esperava, foi positiva em relação à escalação dos atletas.

Kaio Jorge levou o terceiro amarelo na última partida do Clube pela Conmebol Libertadores, contra o Barcelona, no Equador, mas pelo artigo 75.3 do Código Disciplinar da Conmebol – “a suspensão imputada a um jogador, por acúmulo de cartões amarelos, em partidas distintas, em uma mesma competição, em nenhum caso será transferida para a outra competição”.

Já no caso de Camacho, o Santos FC está amparado pelo artigo 3.7.4.1 do Manual de Clube da Conmebol Sul-Americana. O Santos FC reitera que tanto o Departamento de Futebol, quanto o Departamento Jurídico, tiveram todo o cuidado prévio em cada situação, a fim de evitar prejuízos ao Clube.