Santos terá jogo eletrônico como patrocinador master na final da Libertadores

Confira os detalhes do acordo feito entre o Peixe e o Fortnite para a decisão contra o Palmeiras, marcada para o próximo sábado, no Maracanã

  • Por Jovem Pan
  • 25/01/2021 12h53
Reprodução/Santos FCO Santos terá o Fortnite como patrocinador master para a final da Libertadores da América

O Santos anunciou nesta sexta-feira, 25, que fechou um acordo pontual para ocupar o espaço principal do uniforme na final da Copa Libertadores da América, marcada para o sábado, 30, diante do Palmeiras, no Maracanã. Trata-se da marca do jogo Fortnite, que ocupará o espaço do patrocinador master da camisa. Pelo acordo, a marca vai realizar ações nas redes sociais do Santos. “Uma iniciativa importante não apenas comercialmente, mas de posicionamento com a aproximação do Clube com uma marca global e dentre as mais importantes para audiência jovem”, afirmou o presidente Andrés Rueda.

Na última semana, o Santos já havia participado de uma iniciativa global para levar o futebol ao Fortnite, que envolveu 23 clubes. Agora, então, fechou um acordo de patrocínio com a Epic Games para exibição da marca do seu jogo eletrônico, considerado o maior do mundo, tendo 350 milhões de contas e 2,5 bilhões de conexões. “A relação das indústrias do futebol e e-Sports se torna cada vez mais sofisticada e com variados formatos: clubes que participam de modalidades com equipes competitivas, licenciamentos de marcas dos clubes dentro dos games e patrocínios em uniformes utilizando futebol como plataforma para marcas globais e valiosas de games. O Santos FC participa ativamente de todos esses formatos e entende como estratégicas tais iniciativas”, afirmou Marcelo Frazão, executivo de marketing do clube.

O Santos não possui um patrocinador master desde o início de 2019, quando chegou ao fim o acordo com a Caixa. Desde então, o clube tem fechado alguns contratos pontuais, como o que valerá para a decisão da Libertadores. Em grave crise financeira, o clube trata a parceria como um bom negócio pensando nos cofres da agremiação.