Filho de Michael Schumacher será reserva da Ferrari em 2022

Permanecendo como piloto titular da Haas, o alemão vai dividir a função de substituto do time italiano com Antonio Giovinazzi

  • Por Jovem Pan
  • 22/12/2021 16h27
Reprodução/Twitter/@ScuderiaFerrari Mick Schumacher será piloto reserva da Ferrari em 2022 Mick Schumacher será reserva na Ferrari em 2022

A Ferrari anunciou, na manhã desta quarta-feira, 22, que Mick Schumacher, filho do heptacampeão mundial Michael Schumacher, será piloto reserva da escuderia na temporada 2022 da Fórmula 1. Permanecendo como piloto titular da Haas, o alemão vai dividir a função de substituto do time italiano com Antonio Giovinazzi, que deixou o grid ao fim desta temporada após não renovar com a Alfa Romeo – será substituído pelo chinês Zhou Guanyu em 2022. De acordo com o chefe da Ferrari, Mattia Binotto, Giovinazzi estará disponível para a equipe em 12 das 23 etapas do ano. O italiano vai dividir suas atenções em 2022 com a Fórmula E, categoria de carros elétricos da Federação Internacional de Automobilismo (FIA). Mick ficará com as demais 11 corridas da temporada da F-1.

“Ele [Mick Schumacher] já tem uma temporada na F-1, o que é importante. Ele foi bem ao longo da temporada, melhorou não apenas em termos de consistência quanto em velocidade. Ele foi crescendo e se aproximando dos rivais durante o ano. E a Haas parou de desenvolver o carro, o que comprova sua boa evolução”, argumentou o chefe da Ferrari, justificando a escolha pelo filho da lenda das pistas. Pela Haas, Mick não conseguiu pontuar nenhuma vez na última temporada, assim como seu companheiro de equipe, o russo Nikita Mazepin. Já o relacionamento entre o time norte-americano e a Ferrari é de longa data, desde 2016.