Japão fará Olimpíada de Tóquio sem torcedores estrangeiros devido à pandemia

O país, que sediará os Jogos Olímpicos a partir de 23 de julho e os Paralímpicos a partir de 24 de agosto, mantém as fronteiras fechadas para passageiros provenientes do exterior, como medida que visa conter a propagação do novo coronavírus

  • Por Jovem Pan
  • 09/03/2021 14h20
Reprodução/Twitter/Tokyo 2020A Olimpíada de Tóquio será realizada sem a presença de torcedores estrangeiros

O governo do Japão decidiu nesta terça-feira, 9, que a Olimpíada de Tóquio e os Jogos Paralímpicos, que acontecerão neste ano, serão realizadas sem a presença de torcedores estrangeiros. A informação foi publicada pela agência de notícias local “Kyodo”, que, de acordo com o veículo, foi apurada junto a fontes do Executivo do país asiático. A restrição seria uma forma de reduzir a propagação do novo coronavírus.

De acordo com a agência, uma reunião por videoconferência entre o governo do Japão, o Comitê Organizador Local e outros envolvidos na realização dos eventos acontecerá nos próximos dias com a intenção de debater a medida. A conclusão foi de que não será possível receber espectadores provenientes do exterior, especialmente, devido a preocupação da população local relacionada ao novo coronavírus e suas variantes surgidas recentemente.

O Japão, que sediará os Jogos Olímpicos a partir de 23 de julho e os Paralímpicos a partir de 24 de agosto, mantém as fronteiras fechadas para passageiros provenientes do exterior, como medida que visa conter a propagação do novo coronavírus. A decisão de não receber estrangeiros nos eventos, por outro lado, gera preocupação sobre o crescimento do país, já que a chegada dos visitantes reativaria a economia nacionais, e isso era uma aposta do governo, especialmente, após o adiamento dos Jogos de 2020 para este ano.

*Com informações da Agência EFE