Italiano vence os 100 metros pela 1ª vez desde a aposentadoria de Usain Bolt

Na primeira vez sem o jamaicano, considerado um dos melhores de todos os tempos, quem dominou foi Lamont Jacob, da Itália

  • Por Jovem Pan
  • 01/08/2021 10h01 - Atualizado em 01/08/2021 10h07
Reprodução/Twitter/@tokyo2020Lamont Jacob, da Itália venceu a prova dos 100 metros rasos na Tóquio-2020

Usain Bolt dominou os 100 metros rasos, a prova mais rápida das Olimpíadas, nas últimas três edições, vencendo em Pequim-2008, Londres-2012 e Rio-2016. Na primeira vez sem o jamaicano, que se aposentou em 2017 e é considerado um dos melhores de todos os tempos, quem dominou foi Lamont Jacob, da Itália. O italiano ficou com ouro ao cruzar a linha de chegada em 9.80 segundos, atrás do recorde olímpico (9,63s) e mundial (9,58s) do jamaicano. Fred Kerley, dos Estados Unidos, ficou com a prata ao marcar 9,84s, enquanto o canadense Andre de Grasse terminou com o bronze, com 9,89s.

Lamont Jacob, assim, consegue o feito inédito: ele é o primeiro italiano a conquistar a prova mais badalada dos Jogos Olímpicos. A prova, realizada no Estádio Olímpico de Tóquio, teve dois velocistas desclassificados. O primeiro foi o britânico Zharnel Hughes, que queimou largada, recebeu o cartão vermelho e sequer disputou os 100 metros. O segundo foi o nigeriano Enoch Adegoke, que sentiu dores musculares durante o circuito e não conseguiu cruzar a linha de chegada.

Confira AQUI o quadro de medalhas em tempo real