Vela: Robert Scheidt termina dia em 3º e mantém chance de medalha

Melhor esportista brasileiro da história das Olimpíadas, o veterano de 48 anos está em busca de seu sexto pódio na história dos Jogos Olímpicos

  • Por Jovem Pan
  • 27/07/2021 08h10
EFE/ Lavandeira JrRobert Scheidt mantém vivo o sonho por mais uma medalha em Olimpíada

Melhor esportista brasileiro da história das Olimpíadas, Robert Scheidt segue vivo na busca por mais uma medalha em Jogos Olímpicos em sua carreira. Na madrugada desta terça-feira, 27, o veterano ficou na terceira posição na categoria Vela laser na classificação geral da Tóquio-2020. Ficando em 5º lugar na sexta regata, o brasileiro chegou aos 33 pontos e está atrás apenas do líder Pavlos Kontides, do Chipre, e do australiano Matthew Wearn, que estão com 18 e 27 pontos, respectivamente – vence quem pontuar menos. Agora, restam quatro regatas e a Medal Race. Oito dos 35 velejadores disputam a prova da medalha, prevista para o dia 1º de agosto.

Ao todo Robert Scheidt, com 48 anos e em sua sétima participação em Jogos Olímpicos, coleciona duas medalhas de ouro (Atlanta-1996 e Atenas-2004), duas de prata (Sydney-2000 e Pequim-2008) e uma de bronze (Londres-2012). Fora o experiente, o Brasil também conta com Jorge Sarif, que está na 13ª posição, Marco Grael e Gabriel Borges, atualmente na 8ª colocação, e a dupla Martine Grael e Kahena Kunze, na 3ª posição – as duas foram campeãs na Rio-2016.