Adolescente de 17 anos confessa ter matado a mãe a tiros no interior de São Paulo

Filho da vítima confessou o crime à polícia, que registrou o caso como ato infracional por feminicídio

  • Por Jovem Pan
  • 23/11/2020 16h17 - Atualizado em 23/11/2020 16h22
Reprodução/FacebookJussara Cristina da Silva tinha 36 anos e deixa quatro filhos

Um adolescente de 17 atirou contra a própria mãe na tarde de domingo, 22, em uma área rural de Caçapava, município localizado entre São José dos Campos e Taubaté, no interior paulista. A mulher assassinada é Jussara Cristina da Silva, de 36 anos. Ela foi morta com disparos de arma de fogo. Segundo testemunhas, filho da vítima, que estava no local com amigos atirou na genitora, que faleceu no local. Além do jovem que a matou, Jussara deixa mais três filhos, um com menos de dois anos de idade.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP-SP), ele fugiu com os amigos, mas foi localizado pela Polícia Militar. O adolescente confessou o crime à polícia, que registrou o caso como ato infracional por feminicídio e porte ilegal de arma de fogo. O jovem informou que comprou a arma com um amigo, de 16 anos, que também foi detido. Ambos foram encaminhados a Fundação Casa. O velório foi realizado às 10h desta segunda-feira, 23. O sepultamento acontece a partir das 16h.