Ao menos cinco pessoas morreram por conta das chuvas em SP

  • Por Denise Bonfim
  • 11/02/2020 12h15
ReproduçãoErosão que causou buraco no asfalto em Marília matou uma pessoa

O temporal que atingiu a cidade de São Paulo e a Região Metropolitana de domingo, 9, a segunda-feira, 10, deixou ao menos cinco vítimas. Em Botucatu, uma cratera se abriu na Rodovia Marechal Rondon (SP-300), sugando um caminhão que estava na via. O corpo do motorista foi encontrado às margens de um córrego a 1 km de distância.

Também na cidade, no distrito de Vitoriana, foram encontrados os corpos de duas mulheres que teriam sido arrastadas pela enxurrada em um veículo. O terceiro ocupante do carro ainda está desaparecido. De acordo com a Prefeitura Municipal, o helicóptero Águia da Polícia Militar está auxiliando nas buscas.

Em Marília, uma parte do asfalto da Rodovia Dona Leonor Mendes de Barros cedeu, causando uma erosão. Um caminhão e um automóvel caíram no buraco, e o ocupante do veículo não resistiu aos ferimentos.

Em São Bernardo, o dia caótico também teve um desfecho trágico. Um homem de 33 anos foi encontrado morto no piscinão da cidade. Ele havia desaparecido na noite de domingo, levado por uma enxurrada.