Bruno Covas vai anunciar datas do Carnaval de 2021 nesta sexta-feira (24)

A festa pode ser adiada para maio do ano que vem devido à pandemia do novo coronavírus

  • Por Nicole Fusco
  • 23/07/2020 12h39
MISTER SHADOW/ASI/ESTADÃO CONTEÚDOCarnaval de 2021 deve ser adiado por causa do avanço da Covid-19

Após anunciar que Geraldo Alckmin deixará a coordenação de sua campanha de reeleição, o prefeito Bruno Covas, em entrevista coletiva nesta quinta-feira (23), adiantou que vai informar a data do Carnaval de 2021, na próxima sexta-feira (24), durante a coletiva de imprensa do governador João Doria (PSDB). Na quarta-feira, Covas teve uma reunião com representantes das escolas de samba e de blocos de rua para discutir o assunto. Há a possibilidade de que a festa seja adiada para maio por causa da pandemia do coronavírus.

Iabas

O prefeito de São Paulo também comentou a operação desta quinta-feira que prendeu quatro pessoas por desvios de R$6,5 milhões em contratos do Iabas (Instituto de Atenção Básica e Avançada à Saúde) com a prefeitura do Rio de Janeiro. Em São Paulo, a organização social é responsável pelo Hospital de Campanha do Anhembi, que fica no Pavilhão de Exposições do Anhembi, na Zona Norte da capital paulista. O instituto também vai cuidar da unidade Vergueiro da UPA que será inaugurada até o final deste ano, de acordo com a gestão municipal. “O contrato (com o Iabas) foi assinado na gestão do PT. Não há indícios de que aconteça em São Paulo o que aconteceu no Rio”, afirmou Bruno Covas. “Não posso rescindir um contrato sem justa causa. A organização participou de uma licitação em que não há indício de regularidade”, completou.