Chuva causa dez mortes em 24 horas em MG; mais de 3 mil estão desabrigados

Uma das vítimas é uma criança de 10 anos, que morreu soterrada em São Gonçalo do Rio Abaixo na madrugada do dia 10, após o desabamento de um muro

  • Por Jovem Pan
  • 11/01/2022 13h47 - Atualizado em 11/01/2022 13h55
ELVIRA NASCIMENTO/PHOTOPRESS/ESTADÃO CONTEÚDO Ruas alagadas em Nova Era, Minas Gerais, após fortes chuvas Chuvas em Minas Gerais causaram alagamentos, desabamentos e deixaram pessoas soterradas

As chuvas em Minas Gerais causaram dez mortes entre segunda, 10, e terça-feira, 11, segundo a Defesa Civil. No total, foram 19 mortos no Estado. Uma das vítimas é uma criança de 10 anos, que morreu soterrada em São Gonçalo do Rio Abaixo na madrugada do dia 10, após o desabamento de um muro. As outras mortes foram registradas em Ervália (1), Caragatinga (2), Dores dos Guanhães (1) e Brumadinho (5), onde quatro pessoas da mesma família e um homem de 42 anos foram encontradas soterradas dentro de um veículo. Segundo a Defesa Civil, 3481 pessoas estão desabrigadas e 13.756 estão desalojadas em decorrência das chuvas. Pelo menos 145 cidades estão em estado de emergência. Além dos 19 óbitos registrados no Estado, outras dez pessoas morreram no último sábado, 8, em Capitólio, após um paredão se desprender e atingir três lanchas. A causa do acidente ainda é investigada, mas uma das suspeitas é que as chuvas tenham causado a queda da rocha.