Com 1.105 óbitos diários, Brasil alcança maior média de mortes desde o início da pandemia

Recorde anterior era de 1.097, registrado no dia 25 de julho de 2020; média de casos está em 44.494 diagnósticos diários

  • Por Jovem Pan
  • 14/02/2021 22h00
EDMAR BARROSFUTURA PRESSESTADÃO CONTEÚDOMédia de mortes está em alta há 25 dias

Neste domingo, 14, o Brasil chegou ao número de 9.833.965 casos e 239.294 óbitos por Covid-19 desde o início da pandemia. De acordo com o levantamento do consórcio de imprensa (G1, O Globo, Extra, O Estado de S. Paulo, Folha de S. Paulo e UOL), foram registradas 647 mortes nas últimas 24 horas, o que dá uma média de 1.105 óbitos nos últimos 7 dias, a maior taxa já registrada desde quando a pandemia foi declarada pela OMS. O recorde anterior era de 1.097, registrado no dia 25 de julho de 2020. São 25 dias com a média acima da marca de mil mortes. A média de casos nesse mesmo período é de 44.494 diagnósticos diários.

Segundo o levantamento, doze estados mostram alta nas mortes pela doença: Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso do Sul, Acre, Pará, Roraima, Rondônia, Bahia, Ceará, Maranhã, Paraíba e Rio Grande do Norte. Outros 11 estados e o Distrito Federal apresentam estabilidade: Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo, Mato Grosso, Tocantins, Alagoas, Pernambuco, Piauí e Sergipe. Apenas Paraná, Amazonas e Amapá registram queda dos casos. No levantamento de vacinação, 5.287.672 doses já foram aplicadas em todo o país.