Tornado passa por Santa Catarina, causa alagamentos, derruba árvores e arranca telhados

Região atingida foi a do Vale do Itajaí; ventos chegaram a 130 km/h, de acordo com a Defesa Civil

  • Por Jovem Pan
  • 06/01/2022 16h14 - Atualizado em 06/01/2022 22h30
Raquel Piske / AssCom Prefeitura Municipal de Timbó Retroescavadeira ajuda a tirar árvores que caíram após passagem de tornado em Timbó (SC) Cidade de Timbó (SC) não registrou desabrigados após passagem de tornado

A Defesa Civil de Santa Catarina confirmou nesta quinta, 6, que as fortes chuvas que atingiram a cidade de Timbó, no vale do Itajaí, na quarta, 5, foram causadas por um tornado, com ventos que atingiram até 130 km/h. De acordo com relatório da Diretoria de Gestão de Risco, as tempestades ocorreram por uma junção de fatores: o calor sazonal, a passagem de uma frente fria pela região sul do Brasil e a disponibilidade de umidade. “Esta condição atmosférica favoreceu o desenvolvimento de áreas de instabilidade que ocasionaram temporais acompanhados de chuva intensa, descargas elétricas (raios), rajadas de vento e nas regiões do centro leste catarinense e o destaque para a ocorrência de um tornado no Médio Vale do Itajaí”, afirmou o órgão, em nota.

A chuva chegou aos 66 mm em Gabiruba, 60mm em Brusque e 38mm em Timbó – cada milímetro corresponde a um litro de água caindo em uma área de um metro quadrado durante determinado período de tempo. A cidade de Timbó foi uma das mais atingidas, e registrou alagamentos, quedas de árvores e casas destelhadas, mas até o momento não há desabrigados. Equipes da Secretaria Municipal de Obras de Timbó foram até os locais afetados para realizar limpeza das vias nesta quinta, e contaram com ajuda do Demutran (Departamento Municipal de Trânsito) e da Defesa Civil de Santa Catarina.