Deputados protocolam pedido para CPI sobre o derramamento de óleo no Nordeste

  • Por Jovem Pan
  • 23/10/2019 21h33
EFE/Marcos RodriguesO documento foi assinado por 280 deputados

Os deputados da oposição, com apoio da maioria das bancadas do Nordeste, protocolaram um pedido para a abertura de uma comissão parlamentar de inquérito (CPI) para apurar as causas do desastre ambiental provocado por vazamento de petróleo cru em praias de nove estados.

O autor da proposta é o deputado João Campos (PSB-PE), que afirma que o governo federal apresentou poucos resultados no trabalho de apuração e combate ao derramamento de óleo. Nesta quarta-feira (23), foi divulgado que as manchas de óleo estão próximas ao arquipélagos de Abrolhos, no sul da Bahia.

“É o maior desastre ambiental em extensão da história do Brasil. Precisamos investigar”, afirmou Campos.

O documento foi assinado por 280 deputados. Se ao menos 171 foram confirmadas, o texto vai para o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), que decide se aceita ou não a instalação das investigações.

“Um crime de imensas proporções e o presidente Jair Bolsonaro está calado. A quem ele está querendo proteger?”, questionou o senador Humberto Costa.

De acordo com o autor do requerimento, o governo foi omisso. “Governo Federal foi omisso frente ao maior desastre ambiental no litoral brasileiro. Acabaram com os comitês que integravam o plano de ação para combater a poluição por óleo em água”, declarou.

* Com informações do Estadão Conteúdo