Enxurrada invade garagem e carro vai parar dentro de piscina durante chuvas em São Caetano do Sul

  • Por Jovem Pan
  • 11/03/2019 20h47
Reprodução/TwitterMoradora da casa atingida pela água disse que família perdeu tudo

A chuva que atingiu a cidade de São Paulo e a região metropolitana entre a noite de domingo (10) e a madrugada desta segunda-feira (11) deixou 12 mortos, seis feridos e muito transtorno para a população, além de grandes prejuízos públicos e privados.

Em um imóvel, atingido por forte enxurrada, carros estacionados viraram barcos. Em filmagens (veja abaixo), é possível ver um Fusca verde flutuando como se fosse um brinquedo. O veículo ainda foi arrastado para dentro de uma grande piscina.

A cena aconteceu em São Caetano do Sul. Uma moradora da casa comentou o caso em uma rede social. “Infelizmente, nós perdemos tudo, móveis, roupas, eletrodomésticos, pratos, copos. A água entrou [no imóvel] em uma altura de quase 2 metros.”

Da meia-noite até as 20 horas desta segunda, bombeiros contabilizaram apenas a cidade de São Paulo 173 chamados para desmoronamentos e desabamentos, 863 para pontos de alagamento e enchente e 129 quedas de árvores.

Desde o início de março, a capital já registrou 90% da quantidade de chuva prevista para o mês (160 mm), segundo a prefeitura paulistana. Cada 1 milímetro equivale a 1 litro de água acumulada em uma área de 1 metro quadrado.

De domingo (10) para segunda (11), em apenas sete horas, caíram sobre a cidade 57,8 mm de água – o que representa 33% da média mensal prevista. A situação deixou até o momento 11 mortes confirmadas por bombeiros – o total inclui também a Grande São Paulo.