Fiocruz vai participar de estudo de fase 3 para testar medicamento contra a Covid-19

Objetivo é avaliar se o molnupiravir é capaz de evitar a transmissão da doença em pessoas já expostas ao vírus

  • Por Jovem Pan
  • 07/10/2021 13h57
EFE/EPA/YAHYA ARHAB Medicamento também será testado em outros países

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) vai participar de um estudo de fase 3 para testar a eficácia do molnupiravir. O objetivo é avaliar se o remédio, fabricado pela farmacêutica MSD, evita a transmissão da Covid-19 entre pessoas já expostas ao vírus Sars-CoV-2. O estudo vai ocorrer de forma simultânea em sete centros no Brasil, sendo dois sob responsabilidade da Fiocruz: Mato Grosso do Sul e Rio de Janeiro. Também haverá voluntários do Amazonas, Rio Grande do Sul e São Paulo. Além disso, o medicamento será testado em outros países. Serão avaliados voluntários que foram expostos ao vírus, ou seja, que residem com uma pessoa que testou positivo para Covid-19 nas últimas 72 horas. Essas pessoas vão usar o mulnupiravir, por via oral, duas vezes ao dia, durante cinco dias consecutivos. A fase 3 do estudo terá a duração de seis meses.