Polícia conduz filho de deputada Flordelis e apreende bens em locais

  • Por Jovem Pan
  • 30/11/2019 17h04 - Atualizado em 30/11/2019 17h05
Reprodução/FacebookFlordelis e Anderson foram casados por mais de 20 anos, período em que criaram 55 filhos, dos quais 51 adotivos. Alguns dos filhos são investigados como possíveis envolvidos no crime

Policiais da Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo, Itaboraí e Maricá, municípios fluminenses seguem neste sábado, 30, nas investigações do assassinato do pastor Anderson do Carmo, que era casado com a deputada federal Flordelis. Um dos filhos do casal foi conduzido à delegacia especializada.

Também foram feitas buscas e apreensões foram feitas na casa do chefe de gabinete da deputada, em Niterói, no gabinete funcional de Flordelis, no Rio de Janeiro, e na igreja Ministério Flordelis, no município de São Gonçalo.

Os nomes do filho e do chefe de gabinete não foram revelados pela polícia.

Flordelis e Anderson foram casados por mais de 20 anos, período em que criaram 55 filhos, dos quais 51 adotivos. Alguns dos filhos são investigados como possíveis envolvidos no crime.