Polícia Militar de SP começa a usar câmeras corporais no dia 1º de agosto

Segundo Doria, 585 bodycams foram doadas pela iniciativa privada

  • Por Jovem Pan
  • 22/07/2020 13h31 - Atualizado em 22/07/2020 13h32
Jovem PanO governador afirmou que, no fim de 2019, viu a tecnologia em funcionamento pela Polícia de Nova York e pelo FBI e ficou impressionado

O Governo do Estado de São Paulo anunciou nesta quarta-feira (22) que adquiriu 3 mil câmeras corporais para a Polícia Militar de São Paulo no programa denominado Olho Vivo. De acordo com o governador João Doria, o resultado do pregão que resultou na compra dos equipamentos profissionais será publicado no Diário Oficial.

Segundo Doria, 585 bodycams (como o equipamento também é chamado) foram doadas pela iniciativa privada e já começam a operar no próximo dia 1º de agosto. As outras 2.500 câmeras foram adquiridas via pregão. O equipamento será fixado no uniforme policial com o objetivo de evitar abusos policiais e desacato e violência contra os oficiais de segurança.

O governador afirmou que, no fim de 2019, viu a tecnologia em funcionamento pela Polícia de Nova York e pelo FBI e ficou impressionado, passando a considerar a possibilidade de importação para o Brasil. “Agora, as ações policiais serão gravados integralmente e serão armazenadas. Com isso, vamos identificar os 0,6% de policiais que não seguem os protocolos da melhor Polícia do Brasil”, disse.