População foi às ruas com pautas legítimas e democráticas, diz Bolsonaro

  • Por Jovem Pan
  • 26/05/2019 17h01 - Atualizado em 26/05/2019 18h00
Bruno Rocha/Estadão ConteúdoPopulação foi às ruas para protestos pró-governo

Jair Bolsonaro, após um domingo (26) de diversos atos ao redor do País, afirmou, em suas redes sociais, que a “grande maioria foi às ruas com pautas legítimas e democráticas, mas há quem ainda insista em distorcer os fatos”.

O presidente fez a ressalva, no entanto, de que foi claro “ao dizer que quem estivesse pedindo o fechamento do Congresso ou STF hoje estaria na manifestação errada”.

Mais cedo, Bolsonaro defendeu as manifestações durante um culto religioso na Igreja Batista Atitude, no Recreio, zona oeste do Rio de Janeiro. Segundo ele, “hoje é o dia em que o povo estará nas ruas”, em uma “manifestação espontânea”, como um recado “para aqueles que, com suas velhas práticas, não deixam que o povo se liberte”.

“Pela primeira vez na história do Brasil um presidente eleito está cumprindo o que prometeu na campanha”, afirmou Bolsonaro. O presidente se emocionou durante o discurso, ao agradecer a Deus pela sua vida. “Peço orações para mim, para o Brasil e para as autoridades. Para que possamos vencer os obstáculos.”

Bolsonaro disse que as palavras na política nem sempre representam a prática, mas que seu governo está fazendo diferente e mudando paradigmas. “Se estou aqui, é porque acredito na minha nação”, declarou. “Juntos, podemos governar. Nós temos como transformar o Brasil numa grande nação”, completou.