Prefeitura de São Paulo monitora passageiros de voo que registrou caso da variante indiana

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, acompanhamento está acontecendo por contato telefônico e irá se estender até o fim do período de isolamento de 14 dias

  • Por Jovem Pan
  • 27/05/2021 15h47 - Atualizado em 27/05/2021 16h51
FELIPE RAU/ESTADÃO CONTEÚDODuas pessoas que tiveram contato com o infectado estão sendo acompanhadas

A Prefeitura da cidade de São Paulo está monitorando dois passageiros que estavam em um voo no qual foi registrado um caso da variante indiana do coronavírus. A informação foi confirmada à Jovem Pan pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS) nesta quinta-feira, 27. Segundo nota, o órgão foi informado sobre os contatos pela Coordenação da Vigilância em Saúde (Covisa) e a dupla irá cumprir isolamento em São Paulo, sendo monitorada pelas Unidades de Vigilância em Saúde (UVIS) através de “contato telefônico periódico durante o período de isolamento (14 dias)”, afim de identificar o surgimento de sintomas e sinais da Covid-19. Para evitar a disseminação da doença, São Paulo ampliou a triagem de passageiros vindos do Maranhão, primeiro Estado brasileiro a registrar casos da variante.