Procon notifica WhatsApp, OLX, Zap e MercadoLivre por golpes contra o consumidor

  • Por Jovem Pan
  • 20/02/2020 11h43
Marcelo Camargo/Agência Brasil Procon deu 72 hs para empresasse pronunciarem

O Procon de São Paulo notificou nesta quarta-feira as empresas WhatsApp, OLX, Zap e MercadoLivre para que informem quais providências têm sido adotadas em favor da segurança dos consumidores e usuários. A notificação foi motivada pelos seguidos registros de golpes nas plataformas, a partir de anúncios de venda de produtos e serviços na internet.

O órgão solicitou também que as empresas especifiquem como alertam seus consumidores em relação a esses tipos de crimes, e se há uma campanha de esclarecimento sobre os serviços ofertados. As empresas têm 72 horas para responder.

De acordo com o Procon-SP, golpistas se aproveitam dos anúncios na internet para entrar em contato com os vendedores por SMS. Eles afirmam que a mensagem enviada possui um “código de regularização”, que deverá ser digitado pelo WhatsApp para que o vendedor valide seu anúncio. O número, na verdade, é o código de autenticação do aplicativo. Com o PIN em mãos, é possível clonar a conta do WhatsApp.

O objetivo dos golpistas é roubar a conta para usá-la em outro aparelho. De posse da conta, é possível conversar com todos os contatos cadastrados na agenda do telefone.

* Com Agência Brasil.