Quem é Marcelo Queiroga, o novo ministro da Saúde

Aos 55 anos, o médico especialista em cardiologia e presidente da Sociedade Brasileira de Cardiologia assume o cargo deixado por Eduardo Pazuello

  • Por Jovem Pan
  • 15/03/2021 20h02 - Atualizado em 15/03/2021 20h34
Reprodução/ FacebookMarcelo Queiroga é o novo ministro da saúde do governo Bolsonaro

Marcelo Queiroga, de 55 anos, é o novo ministro da Saúde do governo de Jair Bolsonaro (sem partido). Presidente da Sociedade Brasileira de Cardiologia – SBC, o médico recebeu o convite do próprio presente nesta segunda-feira, 15, após pressão para a saída de Eduardo Pazuello do cargo. Defensor do uso de máscaras e do distanciamento social, Queiroga tem uma boa relação com Bolsonaro, que o convidou para integrar a diretoria da ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) no ano passado. O médico também havia sido cotado para a pasta após a saída de Luiz Henrique Mandetta, em abril de 2020, e também após a saída de Nelson Teich. Na política, Queiroga atuou na equipe de transição do governo Temer para o governo Bolsonaro em 2018.

Graduado em Medicina pela Faculdade de Medicina da Universidade Federal da Paraíba, Marcelo é especialista em cardiologia e tem doutorado em Bioética pela Faculdade de Medicina da Universidade de Porto, em Portugal. Além de seu cargo na SBC, ele dirige o Departamento de Hemodinâmica e Cardiologia Intervencionista (Cardiocenter) do Hospital Alberto Urquiza Wanderley (Unimed João Pessoa) e é médico cardiologista intervencionista no Hospital Metropolitano Dom José Maria Pires, também na Paraíba. Ele também integra o Conselho Regional de Medicina da Paraíba, tendo o cargo de Conselheiro Titular. Anteriormente, atuou como dirigente da Sociedade Brasileira de Hemodinâmica e Cardiologia Intervencionista, e exerceu a presidência no biênio de 2012/13 sendo membro permanente do conselho consultivo.