São Paulo inicia vacinação de adolescentes de 12 a 17 anos na quarta-feira

Jovens com deficiências ou comorbidades, assim como gestantes e puérperas, terão prioridade na imunização; previsão é que todo o público dessa faixa etária receba a vacina até 15 de setembro

  • Por Jovem Pan
  • 16/08/2021 11h41 - Atualizado em 16/08/2021 17h37
LEANDRO FERREIRA/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDOSegundo o vacinômetro de São Paulo, 91,23% dos adultos de todo Estado já foram vacinados com ao menos uma dose da vacina

O governador de São Paulo, João Doria, confirmou nesta segunda-feira, 16, que a imunização de adolescentes de 12 a 17 anos contra a Covid-19 começa nesta quarta-feira, 18. Em coletiva no Instituto Butantan, ele afirmou que algumas cidades paulistas já receberam autorização para iniciar a vacinação antecipada. Segundo o governo estadual, a previsão é que a imunização dos adolescentes aconteça inicialmente “para público com deficiência, comorbidades, gestantes e puérperas”, sendo que até a “primeira quinzena de setembro todo o público nessa faixa etária já deverá estar vacinado”. O anúncio da nova etapa de vacinação aconteceu durante a entrega de mais quatro milhões de doses da CoronaVac ao Ministério da Saúde, chegando a 72,8 milhões unidades entregues.

Para o Estado de São Paulo, essa segunda-feira é considerada o “Dia da Esperança”, data em que todos os adultos já puderam receber ao menos uma dose dos imunizantes contra a Covid-19. De forma simbólica, quatro jovens de 18 anos chamadas Esperança foram vacinadas na manhã de hoje em cerimônia com a presença do governador. Elas receberam a primeira dose pela enfermeira Mônica Calazans, primeira brasileira a ser vacinada. “É a representação do respeito pela vida, pela existência, por todas as pessoas, independentemente da idade, e acima de tudo com esperança no coração”, disse João Doria, que compartilhou uma foto com as jovens nas redes sociais. “Elas levam no seu nome o sentimento da população de SP com a data de hoje”, escreveu no Twitter. Segundo o vacinômetro de São Paulo, 91,23% dos adultos do Estado já foram vacinados com ao menos uma dose da vacina contra a Covid-19.