São Paulo registra 321 novas mortes por Covid-19 em 24 horas; casos são 529.006 no total

A região do estado que requer maior cuidado por causa do avanço do novo coronavírus é o Vale do Ribeira, no litoral sul

  • Por Jovem Pan
  • 30/07/2020 14h35 - Atualizado em 30/07/2020 14h37
MINETO/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDOPessoas usando máscara na região do Brás, em São Paulo

O estado de São Paulo registrou, em 24 horas, 321 novas mortes por Covid-19 e 14.809 novos casos confirmados da doença, segundo o secretário executivo da Saúde, Eduardo Ribeiro. Entre ontem e hoje, houve um aumento de 2,8% no número de ocorrências e um crescimento de 1,4% no de óbitos. No total, são 529.006 casos de infecção pelo novo coronavírus e 22.710 mortes pela doença. Ribeiro informou também que a taxa de ocupação dos leitos de UTI é de 65,1% no estado e de 62,9% na região metropolitana da capital.

O coordenador do Centro de Contingência do Coronavírus em São Paulo, Paulo Menezes, disse que o governo do estado ampliou o número de testes feitos para detectar o vírus. Em março, foram realizados 900 testes. O número subiu para 23 mil em junho e 21,3 mil no mês de julho, contabilizados até o dia 27. Segundo João Gabbardo, o coordenador executivo do Centro de Contingência do Coronavírus em São Paulo, o governo já realizou 1,77 milhão de testes para o diagnóstico do vírus no total. Ainda de acordo com Gabbardo, estão sendo realizados cerca de 20 mil testes por dia no Estado.

A região de São Paulo que requer maior cuidado atualmente é o Vale do Ribeira, no litoral sul, de acordo com a secretária de Desenvolvimento Econômico do estado, Patricia Ellen. Nesta quinta-feira, 30, os secretários estaduais de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, e da Saúde, Jean Carlo Gorinchteyn, foram à região para vistoriar os esforços contra o novo coronavírus. “Não quero antecipar, mas estamos analisando e monitorando tudo o que é possível fazer e, se for necessário, amanhã a gente vai fazer uma classificação extraordinária para a região”, afirmou Ellen.

Pela última atualização do Plano São Paulo, feita no dia 24, a região se encontra na Fase 3 – Amarela. Na quarta-feira, 29, Vinholi informou que três municípios do Vale do Ribeira – Registro, Pariquera-Açu e Cajati – ultrapassaram tanto o critério de número de novas internações quanto o de quantidade de óbitos determinados para a fase atual. De acordo com o secretário, os três municípios representam 58% dos casos e 41% das mortes do Vale do Ribeira. O município de Registro teve 781 casos confirmados pela doença até o momento. Pariquera-açu teve 380 novas ocorrências e Cajati, 666. Na região houve uma variação semanal de 163,6% no número de casos, ao todo 3.179 diagnósticos, e de 700% no número de mortes, 63 óbitos contabilizados até a quarta-feira.

*Com Estadão Conteúdo